Image Map

CLUBE DA LUTA

Heey, guys.
Hoje eu vou trazer um post sobre o meu filme/livro favorito: CLUBA DA LUTA!
Irei colocar a sinopse pelo Adoro Cinema e depois terá uma pequena resenha. Recomendo muito esse filme pois é uma ótima adaptação do livro, são pouquíssimas as mudanças e o que faz tudo ficar mais legal, é que as falas do narrador estão no filme. E o modo que tudo é filmado deixa tudo ainda melhor.
Estrelado por Brad Pitt, Edward Norton e Helena Bonham Carter (com pequenas aparições do gato Jared Leto) e dirigido por David Fincher, Club da Luta é clássico do cinema cult.

SINOPSE by ADORO CINEMA:

 Jack (Edward Norton) é um executivo jovem, trabalha como investigador de seguros, mora confortavelmente, mas ele está ficando cada vez mais insatisfeito com sua vida medíocre. Para piorar ele está enfrentando uma terrível crise de insônia, até que encontra uma cura inusitada para o sua falta de sono ao frequentar grupos de auto-ajuda. Nesses encontros ele passa a conviver com pessoas problemáticas como a viciada Marla Singer (Helena Bonham Carter) e a conhecer estranhos como Tyler Durden (Brad Pitt). Misterioso e cheio de ideias, Tyler apresenta para Jack um grupo secreto que se encontra para extravasar suas angústias e tensões através de violentos combates corporais.

RESENHA by Me:

No livro e no filme nunca temos certeza o nome do personagem principal. Tudo que ele diz é “eu sou o senso de rejeição de Jack” ou coisas do tipo, sem falando que ele é algo do Jack, como se ele estivesse sentido isso, mas não falando que ele é o Jack, por isso irei chama-lo de Fulano.
Fulano trabalha para como investigador de seguros e sua paixão é sua casa, ele compra tudo para ela, coisa que nem sabe para o que serve. Tem uma parte que ele diz que comprou uma coleção de temperos linda, sua geladeira jaz fazia e sua coleção continua lá intacta.
O problema é que Fulano sofre de insônia, passando noites acordado. Em suas palavras, quando se tem insônia, você não está dormindo, mas também não está totalmente acordado. Procurando ajuda médica, o doutor pede para ele ver o que é realmente sofrimento e ir num grupo de apoio, com o tempo ele se torna viciado nisso. Ele precisa ir lá para chorar e poder dormir, Fulano finge que tem essa certa doença e chora por algo que não tem apenas para dormir.
Porém, tudo cai aos pedaços quando Marla aparece em todos os grupos de apoio, sentando lá fumando seu cigarro. Com ela lá, Fulano não consegue chorar e assim não consegue dormir. Como seu trabalho exige que viaja muito, com essa crise de insônia tudo que ele vê é acordando em um lugar depois do outro, sem saber o que aconteceu nesse meio tempo. Acordando em JFK e depois em Seattle, onde esteve esse tempo todo?
No meio dessas viajens, Fulano conhece Tyler Durden (no filme ele conhece no avisão, no livro no Caribe). Um homem que trabalha no cinema, ele que ajeita os filmes para rodar, e no seu meio tempo vende sabonetes. Os dois se tornam amigos e quando Fulano chega em casa, vê sua vida cair aos pedaços novamente, com sua linda casa, tudo que tinha, havia explodido. Sem ter para onde ir, ele liga para Tyler pedindo ajuda. O recém amigo o deixa ficar em casa, mas antes disso ele também pede uma coisa.
Pede para bate-lo mais forte possível.
Fulano não entende e pergunta o porquê. Sua resposta foi a mais simples possível, ele não queria morrer sem ter cicatrizes, sem ter nunca entrado numa briga. Assim, juntos, criam o clube da luta. Um lugar para aqueles que não sabem o que mais fazer se libertar, tinham desde viciados a grandes empresários no clube, batendo um nos outros mais mantendo a amizade.
Tendo apenas algumas regras:
"A primeira regra do Clube da Luta é: você não fala sobre o Clube da Luta. A segunda regra do Clube da Luta é: você não fala sobre o Clube da Luta. Terceira regra do Clube da Luta: se alguém gritar "Pára!", fraquejar, sinalizar, a luta está terminada. Quarta regra: apenas dois caras numa luta. Quinta regra: uma luta de cada vez, pessoal. Sexta regra: sem camisas, sem sapatos. Sétima regra: as lutas duram o tempo que for necessário. E a oitava e última regra: se esta for a sua primeira noite no Clube da Luta, você tem de lutar."  – Brad Pitt, Clube da Luta (1999)

O livro não tem muitos diálogos, sempre é uma narração infinita do personagem principal falando tudo que veio na mente dele. O legal que o filme pega essa narração e coloca do mesmo jeito na cena.
É claro que tem ótimas frases:
“Trabalhamos em empregos que odiamos para comprar porcarias de que não precisamos para impressionar pessoas que não gostamos”
“As coisas que você possui acabam possuindo você”
"É apenas depois de perder tudo que somos livres para fazer qualquer coisa"
“Por que será que vivemos trabalhando para produzir o que não consumimos e, em troca disso, consumimos o que não nos é útil e temos o que não utilizamos, e, por fim, nunca estamos satisfeitos?”
Como Brad Pitt e Edward Norton disse numa entrevista:
A história de dois amigos que iniciam um clube amador de boxe para jovens desfavorecidos e a mulher que aparece entre eles.

Brubs

4 comentários :

  1. que loco. parece ser um ótimo filme. será que tem na netflix?

    http://gaby-geek.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entrou esses dias no netflix ^.^ melhor coisa que eles fizeram kkk

      Excluir
  2. Oii Lexie, tudo bem ?
    A quanto tempo né ? Ainda lembro que te conheci pelo meu blog de designs KKKKKKK E olha a gente de se encontrando aqui de novo! Olha, eu confesso que não é o tipo de gênero que gosto de ler, mas para assistir até que não tenho problema, pois gosto de uns filminhos de luta e.e Amei o blog! ♥
    Beijos!

    http://leitora-mirim-oficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sarah!! Mideuse, quanto tempo kkkk.
      Bons tempos, quando tinha tempo de me dedicar a um blog de design. Clube da Luta é mais que um filme de luta, você tem que ver. Você começa pensando "um bando de adultos batendo em si mesmos" e termina com essa cara (ºoº)
      ADOREI SEU BLOOOG, AMOREE!! Beijos de luz.

      Excluir